Arquitetura: Arte ou Técnica zoom print
Arquitetura: Arte ou Técnica
No passado dia 7 de novembro, na Alfândega do Porto, decorreu o primeiro ciclo de conferências sobre Arquitetura, organizado pela Margres. Subordinado ao tema Arquitetura: Arte ou Técnica, o encontro ibérico entre Enrique Sobejano e Carvalho Araújo, fundiu-se com o que rapidamente se transformou numa conversa e em múltiplos momentos de partilha e de aprendizagem. 
 
De um lado, Enrique Sobejano levou-nos pelo legado musical do Centro Arvo Pärt, no seio de uma floresta na Estónia. Durante uma hora, a apresentação do arquiteto madrileno foi um verdadeiro cântico poético, sobre todas as motivações que estiveram na base deste projeto.
 
Do outro, Carvalho Araújo guiou a plateia por momentos, simultaneamente, técnicos e artísticos dos projetos que desenvolveu e outros que ainda se encontra a realizar atualmente. Demonstrou como projeto e arquitetura são, na verdade, reflexo um do outro e como a materialização da obra resulta num conjunto de desejos, ânsias e concretizações até ao culminar da obra.  
 
Houve ainda tempo para assinalar a entrega formal do Margres Architecture Award 2019, pelas mãos do administrador da Gres Panaria, Andrea Zanni, à arquiteta Sílvia Bernardino, pelo seu projeto House in Moagem. A arquiteta salientou a ligação à marca com mais de uma década e o quanto foi surpreendida pela atribuição e pelo reconhecimento. 
 
Este ciclo de conferências irá repetir-se anualmente por permitir alimentar o espírito pioneiro da Margres e o seu posicionamento estratégico no setor cerâmico. 
22/11/2019
Este website utiliza cookies para melhorar a sua experiência. Ao continuar a navegar está a aceitar a sua utilização. Caso pretenda saber mais consulte a nossa Política de Cookies. Política de cookies aqui
Compreendi